terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

PREFEITURA DE LAVRINHAS INÍCIA CONSTRUÇÃO DE CASAS POPULARES

foto da área em estão sendo construidas as casas

Teve início no Recanto Tranqüilo, Bairro Village Campestre, a construção de 50 casas da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano do Estado de São Paulo (CDHU) em parceria com a Prefeitura Municipal de Lavrinhas. As famílias beneficiadas fizeram inscrição, foram avaliadas e aprovadas pelo programa habitacional no ano passado e agora estão aguardando a conclusão das obras. Foram sorteadas 29 famílias, sendo que 21 moradias são para área de risco e desfavelamento, totalizando 50 casas populares. As chuvas que caíram na região nos últimos meses atrasaram a término da terraplanagem, mas o trabalho está na fase final, de acordo com a Secretaria de Obras.



O Secretário de Planejamento e Obras de Lavrinhas, Delcio Nogueira da Silva informou que a infraestrutura com a implantação de rede de água e esgoto em parceria entre a Prefeitura e a Sabesp (Serviço de Abastecimento do Estado de São Paulo) será finalizada na primeira quinzena do mês de fevereiro (veja as fotos). Em seguida terá início o trabalho de pavimentação na Avenida Darcy Sodero Horta, que dá acesso ás moradias. Segundo a Prefeitura haverá implantação de guias e calçadas, além de paisagismo. A empreiteira responsável pela construção das moradias já iniciou a compra dos materiais que se encontra no canteiro de obras.


O Prefeito de Lavrinhas José Luiz da Cunha que acompanha tudo de perto, disse que espera entregar as chaves aos contemplados o mais rápido possível. “A chuva atrapalhou um pouco, mas esperamos entregar as casas em até 12 meses. Será a realização de um sonho para essas pessoas”, ressalta o Prefeito. O prazo máximo de financiamento pela CDHU é de 25 anos e as moradias são para famílias com renda entre 01 e 10 salários mínimos e que moram em Lavrinhas. Cada unidade possui dois dormitórios, sala, cozinha, banheiro e área de serviço, distribuída em 43.18m2 de área construída. As prestações têm subsídio do governo paulista e serão calculadas de acordo com a renda familiar. Quem ganha até três salários mínimos vai desembolsar 15% dos rendimentos com mensalidades.

Por Daniel Gonçalves/Assessoria Imprensa
Prefeitura de Lavrinhas









Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visitas

OMEGA MONITORAMENTO

OMEGA MONITORAMENTO