Pular para o conteúdo principal

Região tem apresentação de peça teatral sobre a Revolução de 32


O espetáculo infantil O Inimigo circulará por cidades que participaram da Revolução Constitucionalista de 1932 também conhecida como Guerra Paulista. As cidades são: Ourinhos, Itararé, Cunha, Cruzeiro, São José do Barreiro, Botucatu, Campinas, Mogi Mirim, Cubatão e Santos. A peça fala da guerra, de dois inimigos e debate a igualdade. Além da peça cada cidade terá um debate para falar desses acontecimentos e a relação com o tema da peça.

A direção é de Val Pires. Dois atores estão no elenco: Leandro Ivo Thiago Ubaldo. A realização é da República Ativa de Teatro. O projeto foi premiado pelo ProAC (Programa de Ação Cultural) da Secretaria de Estado da Cultura do Governo do Estado de São Paulo. Todas as apresentações são gratuitas.

Em Cruzeiro, dia 16 de fevereiro, quinta-feira, às 14h e às 20h, no SESI Cruzeiro.

Em São José do Barreiro, dia 17 de fevereiro, sexta-feira, às 15h e às 20h no Pavilhão de Apresentações Artísticas Culturais e Folclóricas​ (Clubão).

As cidades foram escolhidas por terem participado da Revolução Constitucionalista de 1932 também conhecida como Guerra Paulista.

Sinopse: Em meio a uma guerra, em algum lugar que poderia ser um deserto, há dois buracos. Nos buracos, dois soldados. Eles são inimigos. Sem poderem sair do lugar, eles são obrigados a conviver com o perigo, que está ao lado. Mas será que ele é tão perigoso assim? Será que tudo aquilo que contaram é verdade? De maneira lúdica e divertida, esses soldados vão se surpreender com o que está do outro lado do front.

O Inimigo traz à cena o universo da guerra de maneira inusitada e divertida. Inspirado no livro homônimo de Davide Cali, essa é uma daquelas histórias simples e profundas, que nos fazem enxergar além das aparências.
Para dar vida a esses personagens, a encenação optou por apresentá-los com um tom cômico e patético, enaltecendo a situação e promovendo uma reflexão sobre as razões e consequências de uma guerra.
Quem é o malvado da história? E o mocinho? Fugindo da simplificação bem x mal, o espetáculo evidencia a complexidade da questão, na qual não há vencedores.
Este é o sexto espetáculo de repertório da Republica Ativa de Teatro, que nesse ano de 2016 completa 10 anos de estrada, buscando sempre trazer questões pertinentes ao Universo Infantil.

República Ativa de Teatro nasceu da vontade de seus integrantes em estudar e desenvolver uma pesquisa sólida dentro do universo teatral para crianças. Desde 2006, a Cia construiu um premiado repertório de espetáculos, contações de histórias e oficinas, fruto do trabalho de sua pesquisa intitulado “O Real Imaginário”.

A primeira fase dessa pesquisa – “O Universo Infantil em Maria Clara Machado” – investigou os textos clássicos dessa autora: “A Bruxinha Que Era Boa” (2006), “O Cavalinho Azul” (2008) e “A Menina e o Vento” (2012), além de uma série de contações de histórias e oficinas. Juntos, esses espetáculos receberam 25 prêmios em diversos festivais pelo país, além de duas participações em festivais internacionais no Chile – “3o Encuentro de La Red Iberoamericana de Artes Escènicas” (2007) e “XIV Festival Internacional de Teatro ENTEPACH” (2009) – e grande repercussão de público e crítica. 

A segunda fase da pesquisa – “cubomagico.com” – investiga o uso da tecnologia como linguagem poética no teatro e sua relação com as crianças. “Quem Apagou a Luz?” (2012) – patrocinado pela Eletrobras Furnas e eleito Melhor Estreia Infantil de 2012 pelo Guia da Folha de São Paulo – é o primeiro espetáculo autoral da Cia. O segundo trabalho (também autoral) é o espetáculo “Splash ou A História da Gota Que Sonhava Ser Rio”, resultado do projeto “A Parte Que Falta” (Prêmio Zé Renato), que estreou em Janeiro de 2016 no Centro Cultural São Paulo. E o mais recente espetáculo foi “O Inimigo”, que agora circula pelo interior do estado.

Em sua história, o grupo foi selecionado no Edital de Intercâmbio Cultural do Ministério da Cultura (2007 e 2009), Ocupação do Teatro Sérgio Cardoso (2008), Virada Cultural (2008), ProArt - Secretaria Municipal de Educação de São Paulo (2008 à 2013), Ocupação dos Teatros Distritais da cidade de São Paulo (2010 à 2013), Programa Cultural das Empresas Eletrobras 2011, Virada Cultural Paulista (2013 e 2014), Programa Mosaico Teatral (2013), Circuito Cultural Paulista (2014), Prêmio Zé Renato (2014), além de diversos festivais nacionais e internacionais.

Manter a qualidade dos trabalhos, experimentando e reafirmando escolhas a cada apresentação é parte do cotidiano desse grupo, que mantém seus estudos em prol de um teatro infantil pertinente, criativo e inovador.

Ficha Técnica:

Inspirado na obra de Davide Cali
Adaptação: Leandro Ivo, Val Pires e Vivi Gonçalves
Direção: Val Pires
Elenco: Leandro Ivo e Thiago Ubaldo
Trilha Sonora: André Grynwask
Iluminação: Rodrigo Palmieri
Cenário, Figurinos e Adereços: Helô Cardoso e Leandro Ivo
Assistente de Cenário, Figurinos e Adereços: Gabriela Fuziyama
Costureira: Rosimeire Santos Souza
Assessoria de imprensa: Miriam Bemelmans
Produção: Fulano’s Produções Artísticas
Site: www.republicaativa.com.br ou facebook.com/RepublicaAtiva

Serviço:

Espetáculo infantil: “O Inimigo”
Realização da República Ativa de Teatro através do ProAC (Programa de Ação Cultural) da Secretaria de Estado da Cultura do Governo do Estado de São Paulo
Duração: 50 minutos
Classificação: Livre

Grátis!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Após três meses de atraso, conjunto habitacional de Cruzeiro tem previsão de entrega em janeiro

*Andreah Martins Cruzeiro
Mesmo com manifestações e conversas entre moradores e administração, as famílias do conjunto habitacional Colinas da Mantiqueira 1 e 2 não iniciaram o ano de casa nova. A entrega, que estava prevista para outubro do ano passado, sofreu problemas burocráticos que retardaram a liberação dos apartamentos. A nova data tem previsão para a última quinzena deste mês. Em entrevista ao Jornal Atos, o prefeito Thales Gabriel (SD) contou que os adiamentos foram resultados de informações recebidas pela empreiteira. “A Prefeitura nunca se posicionou sobre data de entrega sem uma orientação por parte da construtora. Nos deparamos com regularizações formais a serem feitas na obra pela construtora, junto ao banco e ao cartório”. O principal obstáculo que impede a entrega é a documentação para iniciar as assinaturas. “Existia um problema de matrículas e a gente entrou de forma direta para poder ajudar. A não individualização das matrículas interferiu na confecção dos contratos”. O …

8 de Março: Dia Internacional da Mulher

Parabéns para você mulher que a cada dia muda a realidade em todos os cantos do mundo. Seja através de um sorriso, através de um olhar, através de filho, não importa a ação, qualquer coisa que você faça mudará constantemente o mundo ao redor de todos e deixar mais puro e simples para felicidade. Saiba um pouco mais do Dia Internacional da Mulher, comemorado no dia 8 de março. As histórias que remetem à criação do Dia Internacional da Mulher alimentam o imaginário de que a data teria surgido a partir de um incêndio em uma fábrica têxtil de Nova York em 1911, quando cerca de 130 operárias morreram carbonizadas. Sem dúvida, o incidente ocorrido em 25 de março daquele ano marcou a trajetória das lutas feministas ao longo do século 20, mas os eventos que levaram à criação da data são bem anteriores a este acontecimento. Desde o final do século 19, organizações femininas oriundas de movimentos operários protestavam em vários países da Europa e nos Estados Unidos. As jornadas de trabalho de apr…

Cruzeirense brilha é responsável por pinturas em aviões da Embraer

O artista plástico Clodoaldo Quintana, nascido na cidade de Cruzeiro e que reside em São José dos Campos há mais de10 anos, é especialista em desenho com lápis grafite e o mais interessante é que utiliza apenas dois lápis, o HB e o 5B, com retratos que parecem reais de tão perfeitos, pois consegue captar e passar para o papel exatamente como está na foto.
Clodoaldo é um artista cuidadoso em cada traço e de uma paciência invejável, com o desenho feito direto na tela. Clodoaldo é de família conhecida e tradicional do bairro Km4 em Cruzeiro, onde seus familiares são admirados pelos moradores daquela localidade. Artista premiado em quatro concursos do Salão de Artes da Embraer, pela perfeição e originalidade e com slogan: transforme sua foto em arte. Por esse motivo a Câmara Municipal de Cruzeiro deferiu ao artista um voto  de aplauso por seu trabalho em aeronave da Embraer. O voto foi dado pelo presidente da Casa de Leis, vereador Charles Fernandes, o qual admira o trabalho do artista plásti…

Visitas