Pular para o conteúdo principal

No topo do crime, RMVale tem sete cidades sem delegado

Região mais violenta do Estado de São Paulo, a RMVale tem sete cidades sem a presença de um delegado titular da Polícia Civil. Outras 249 cidades paulistas enfrentam a mesma situação. A lista de municípios do Vale, é formada por Arapeí, Areias, Igaratá, Lagoinha, Monteiro Lobato, Piquete e Redenção da Serra. Os dados são do Sindpesp (Sindicato dos Delegados de Polícia do Estado de São Paulo).
Fachada da delegacia de Piquete onde falta delegado. Foto:Ricardo Rabelo

“O delegado é responsável por toda a coordenação das atividades de investigação. Não adianta ficar à 20 e 30km de distância da cidade, por exemplo, que não vai resolver”, disse a secretária-geral da entidade, a delegada de polícia Mayla Hadid.
Segundo ela, a ausência dos delegados sobrecarrega a polícia e compromete a atividade de investigação. “A presença da autoridade na cidade cria um vinculo de segurança com a população. E, com sua ausência, o verdadeiro prejudicado nessa história acaba sendo a sociedade, porque a policia não consegue realizar sua atividade fim”.
Das 256 cidades sem delegado no estado de São Paulo, apenas 17 têm população inferior a 2.000 habitantes, segundo o Sindicato. “Temos uma defasagem de 9 mil cargos vagos em seu quadro. Em duas décadas, a população do estado cresceu aproximadamente 11 milhões e desde 1994 o número de cargos continua o mesmo, isso gera uma defasagem na atividade policial muito grande”, afirma Hadid
Com base nos últimos seis anos, a cada 29 dias pelo menos um delegado pede para ser exonerado, de acordo com dados do Sindpesp. “O problema do Estado é que eles renegaram a polícia investigativa para segundo plano e causou a situação atual, que é caótica. É uma escolha política. A criminalidade está nessa situação muito por causa desses fatores. A realidade de hoje é fruto do sucateamento da Polícia Civil”.
Apesar do estado de São Paulo ter grande concentração do PIB brasileiro, a secretária-geral do sindicato afirma que não há estimulo para a carreira de policial civil.  “Em comparação com os outros estados, nós temos uma das piores remunerações do país, com escalas abusivas de plantão”, ressalta.
Dos 645 municípios do estado de São Paulo, 256 não possuem delegado titular, o número é equivalente a 40% de todas as cidades paulistas. No interior, os delegados são responsáveis por até quatro municípios simultaneamente.
SSP diz que policiais foram contratados
Em nota, a SSP (Secretaria de Segurança Pública) afirmou que desde 2011 foram contratados 3.688 policiais civis para todo Estado. Desse total, 162 foram designados para a região de São José dos Campos. Estão em curso na Acadepol 442 policiais, que serão distribuídos em breve para todo o Estado. Ainda segundo a SSP, “cabe ressaltar que o fruto dos investimentos e do comprometimento dos policiais resultou no recorde de prisões e apreensões em flagrante (159.849) e por mandado (71.855) em 2016 no Estado”.
A SSP informou que conversado com entidades representantes das polícias para ouvir as demandas das categorias. Nos encontros, o secretário Mágino Alves Barbosa Filho também apresentou as dificuldades impostas pelo cenário econômico e informou que serão realizados estudos junto à Secretaria de Planejamento para avaliar a evolução das receitas e assim definir o ritmo das contratações e a possibilidade de reajustes. Isso mostra que o Governo do Estado tem trabalhado para sanar dificuldades encontradas em determinadas regiões, apesar do cenário econômico desfavorável.
Fonte:O Vale

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Prefeitura de Cruzeiro abrirá inscrições para processo seletivo

A PREFEITURA MUNICIPAL DE CRUZEIRO, Estado de São Paulo, com fulcro no disposto no artigo 37, inciso IX, da Constituição Federal e na legislação municipal pertinente, torna público a todos os interessados que se encontram abertas as inscrições para o Processo Seletivo Simplificado de Provas e Títulos destinado a seleção de pessoal para o preenchimento das vagas existentes, daquelas que surgirem durante o seu prazo de validade e formação de cadastro de reserva, para contratação por tempo determinado, sob o regime da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), para o desempenho temporário das funções de Agente Social, Assistente Social, Auxiliar de Cuidador Social, Cuidador Social, Escriturário, Psicólogo e Servente.

A inscrição implicará a completa ciência e tácita aceitação das normas e condições estabelecidas neste Edital, sobre as quais não se poderá alegar desconhecimento, não cabendo recurso sobre eventuais erros cometidos pelo candidato no ato da inscrição. O candidato deverá certifi…

Melhor árbitro do Brasileiro garante: sua mãe é elogiada e fica orgulhosa

Foto: Reprodução/Sportv
Enquanto as mães dos árbitros sofrem com as reclamações dos torcedores contra seus filhos, o paulista Paulo Cesar de Oliveira garante que sua mãe é elogiada e fica orgulhosa com o trabalho do filho. Eleito o melhor do Brasileiro, Paulo César ainda lembrou que seu irmão, Luiz Flavio de Oliveira, também tem a mesma função e atua na Série A. - É a segunda vez que eu sou premiado, estive em outras votações também, já fui prata e bronze. Graças a Deus, nessa temporada, eu fiquei com o troféu. Minha mãe, dona Teresa, se sente muito orgulhosa de ter dois filhos e uma neta atuando na arbitragem, em alto nível. Então ela é agraciada três vezes e sempre muito elogiada - afirmou o árbitro, no "Bem, Amigos!". Paulo Cesar ainda elogiou o trabalho da Comissão de Arbitragem da CBF e afirmou que hoje existem menos reclamações no Campeonato Brasileiro. - Eu gostaria de compartilhar essa premiação com todos os oficiais de arbitragem que estão envolvidos nessa competição, à…

Prefeitura de Cruzeiro restabelece atendimento nas UBSs, ESFs e Laboratório Municipal

A Prefeitura de Cruzeiro, através da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), restabeleceu nesta quinta-feira, 9, o atendimento médico em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBSs), Equipes de Saúde da Família (ESFs), Laboratório Municipal e outros serviços de atenção básica à saúde. O Governo Municipal decidiu promover contratações para recompor o atendimento nas UBSs e ESFs, das 7h às 17h, de segunda a sexta-feira. Foram contratados 15 enfermeiros e alguns médicos, além de especialistas em endocrinologia, cardiologia, neurologia, psiquiatria, dermatologia e otorrinolaringologia. As equipes atenderão também a zona rural da cidade.
A Secretária de Saúde, Ana Inês Chaves, disse que a Administração Municipal busca melhorar a assistência médica no município e cumprir todos os programas do Governo Federal, para os quais o município está habilitado. “Foi necessária esta contratação, já que os funcionários efetivos cumprem uma jornada de trabalho de seis horas por dia, não sendo o suficiente para ma…